Eu queria ter podido dizer
Que por poucos segundos, ao menos,
Tu foste inteiramente meu,
Que durante este tempo, todos
Os teus pensamentos foram devotados a mim.
Eu queria ter podido dizer
Que nestes poucos segundos eu
Para ti signifiquei o universo,
Que eu fui cada palavra que não
Conseguia sair de tua boca
Pelo prazer que tu sentias em retê-las
E que eu sentia em lá permanecer.
Eu queria ter podido dizer
Que nestes míseros segundos eu
Fui o motivo de teus olhos brilharem,
O motivo de um sorriso colorir tuas feições.
Eu queria ter podido dizer
Que estes ínfimos segundos foram suficientes
Para que tu formulasses em mim
A ideia de um romance perfeito,
De um reencontro prometido de outras vidas.
Eu queria ter podido dizer
Que durante estes poucos incontáveis segundos
Tu me amaste…

 

Licença Creative Commons

Delírios de Agatha Fawkes é licenciado sob uma Licença Creative Commons Atribuição-Uso não-comercial-Vedada a criação de obras derivadas 3.0 Unported.
Based on a work at paginasdobradas.wordpress.com.
Permissions beyond the scope of this license may be available at https://paginasdobradas.wordpress.com/.

Anúncios